VANS: As sapatilhas mais "Old Skool"

A marca Vans tem vindo a percorrer um longo caminho desde 1966. Uma marca direcionada aos jovens que demonstram uma grande paixão pelo skate.  
Hoje, a Bstrong, decidiu contar-vos a grande história da Vans, desde o seu primeiro modelo de sapatilhas até ao último.  
Preparados? Então continuem a ler!

Vans-sapatilhas-Skate

Fotografia de Queens, em Unsplash     

O início da VANS 

A Vans é uma marca de sapatilhas, criada pelos irmãos Paul Van Doren e Jim Doren, em 1966, juntamente com os sócios Gordon Lee e Serge Delia, em Anaheim, Califórnia, a 16 de março, sendo que, no início era denominada de “The Van Doren Rubber Company”.

vans-old-skool-sneakers-sapatilhas
Fotografia de quokkabottles, em Unsplash  

Lançamento dos modelos icónicos 

Nesta grande abertura, nasceram os Vans #44, hoje conhecidos como Authentic. Já nos anos 70 os skaters, que apreciaram a sola resistente e aderente da Vans, começaram a ser vistos com estas sapatilhas por todo o Sul da Califórnia. 
Em 1976, foram lançados os Vans #95, agora conhecido como Era. Apresentavam rebordos acolchoados e várias combinações de cores. Modelos de sapatilhas desenhados por Tony Alva e o Stacy Peralta, também considerados os sneakers de eleição para a geração de skaters. Neste mesmo ano o logótipo da Vans “Off The Wall” faz a sua estreia. 
Os Vans #36, os tão adorados e procurados “Old Skool”, são lançados com a icónica tira lateral da Vans. Estes são os primeiros ténis de skate a incorporarem painéis em pele para uma maior durabilidade. O que começou com um rabisco ocasional, de Paul Van Doren, antes referido como “jazz stripe”, acabou por se tornar na marca inconfundível VANS. Com a ajuda dos skaters e dos pilotos de BMX, são apresentados os Vans #98, conhecidos como os Classic Slip-On, uma nova moda do sul da Califórnia, acabando por tornar a silhueta original Slip-On num ícone durante gerações! 
Como é óbvio não nos podemos esquecer dos SK8-Hi, que se introduziram no mercado em 1978, apresentando uma silhueta inovadora. A verdade é que este modelo em específico transportou a funcionalidade de skate a outro nível - acima do tornozelo, onde os skaters usavam e abusavam ao máximo das suas extremidades inferiores. Estas sapatilhas, não só protegiam os skaters, como trouxeram toda uma nova imagem para o parque. 
Para além de os modelos se terem tornado inconfundíveis, ainda temos o famoso padrão checkerboard, que graças à cultura jovem da califórnia e com os Classic Slip-On, tornaram-se virais de um momento para o outro.  

VANS entra em falência 

Como todas as empresas, a Vans também entrou em falência, em 1984. Embora os ténis da marca estivessem a vender bem, a vasta gama de produtos que estavam a produzir provocou um esgotamento de recursos da empresa, tendo ficado incapazes de ultrapassar esta dívida. Depois de os tribunais terem aprovado o plano, Paul Van Doren, regressa ao lugar de presidente, avisando os seus colaboradores que estes não teriam aumento de salário nos próximos 3 anos e que era necessário haver cortes, exceto na qualidade das sapatilhas. 

Parceiros e participações da VANS   

Em 1988, a Vans faz uma parceria com o skater Steve Caballero, um modelo que viria a ser um dos ténis mais cónicos e culturalmente significantes da história do skate. Neste mesmo ano a marca abre o seu primeiro Skate Park Interior/Exterior com 4.273 metros quadrados, no centro comercial de Orange.  
Para além da parceria, anteriormente referida, a Vans lançou em 2003, a coleção Vault by Vans, uma oferta de calçado intemporal, um modelo premium. Atualmente, esta coleção continua a ser desenvolvida com parcerias inovadoras, tendo já colaborado no passado com grandes nomes da moda como Marc Jacobs, e o artista contemporâneo Takashi. 
A Vans, no ano de 2001, ajuda na produção do documentário “Dogtown and Z-Boys", com o olhar de Stacy Peralta sobre as origens do skate e as personalidades que evoluíram com o desporto. Este filme vence as categorias Audience Award e Best Director Award no Festival Sundance de Cinema. 

vans-old-skool-vestuario

Fotografia de Native Babe, em Unsplash 

Dos Sneakers ao Vestuário   

E como todas as grandes marcas, a Vans não se ficou só pelo calçado, em 2006, a empresa lançou uma vasta coleção de vestuário para homem e mulher. 

Curiosidades da VANS 

Harry N. Abrams publica “Vans: Off The Wall, stories of sole from Vans originals!”, que conta a história das inúmeras lendas dos desportos de ação, artistas e músicos que ajudaram a tornar a Vans num ícone da cultura californiana.  
Em 2010 a Vans abre a House of Vans, em Brooklyn, um espaço dedicado a eventos e prática do skate em Nova Iorque, com música Public Enemy e uma intensa sessão de skate protagonizada pelas lendas da modalidade Tony Alva, Steve Caballero e Omar Hassan.  
A Vans lança o seu primeiro filme de surf, “Gert-N Classic, Vol.1” com a participação Gudauskas, Pat e Dane, Joel Tudor, John Florence e o resto da equipa de surf da Vans. Para além desta mega estreia, em 2013, a Vans colabora com a banda de rock Metallica, sendo que, cada um dos membros desenhou os seus próprios ténis e colaborou com atletas Vans, incluindo Pat Moore, Steve Caballero, Nathan Fletcher e Tony Trujillo para uma série especial chamada OffTheWall, definindo ainda mais o que significa ser parte da família Vans. 
No outono de 2013, a Vans decidiu trazer de volta os designs dos fins dos anos 80 e juntou-se à Disney para uma colaboração que incluiu algumas das mais queridas personagens Disney, como o Mickey Mouse, Winnie the Pooh e o Pato Donald. 
Para além de se associar a skaters, surfistas e desenhos animados, ainda se associou a mais uma banda, The Beatles, com a coleção primavera 2014, sapatilhas inspiradas nas icónicas obras do álbum e filme “The Yellow Submarine”. 
O lendário skater, Geoff Rowley, junta-se ao impressionante programa de vestuário da marca, tornando-se 100% skater, e agora 100% Vans. 

vans-skate-park

Fotografia de Anthony Acosta, em Vans Park Series

Por fim, dado o facto de esta ser uma marca bastante virada para o skate, a Vans decide, em 2016, criar o primeiro campeonato de skate misto Park Terrain World Championship Series, o Vans Park Series. Este parque tem como objetivo aumentar a participação do skate a nível internacional e inspirar a cultura e valores do skate a nível mundial.  
 
 
A Vans é uma marca desportiva e ativa, com ténis versáteis, capazes de serem conjugados com, literalmente, qualquer estilo. O que acharam de todo o processo desta grande marca de sapatilhas, vestuário e acessórios? Partilhem a vossa opinião connosco, através do nosso handle @_bstrong.pt_. 

You have successfully subscribed!
This email has been registered
ico-collapse
0
Últimos Vistos
Topo
ic-expand
ic-cross-line-top